Make Up Your Styles

por Dani Zaccai

Cinderella MAC Collection (com swatches!)

Maquiagem

O filme Cinderella da Disney estréia na semana que vem, mas a coleção Cinderella em parceria com a MAC chegou às lojas americanas ontem! Eu fui conferir por volta do meio dia e a maioria dos produtos já estavam esgotados – acreditam?

20150209-cinderella-mac-1

A coleção em parceria com a Disney conta com 17 itens, entre batons, gloss, glitter e uma paleta com seis sombras, tudo em embalagens azuis que remetem à cor do famoso vestido da personagem. Vamos aos swatches?

São dois batons e dois glosses, todos clarinhos sendo um mais rosado e outro mais nude.

batons-e-gloss-cinderella-mac

Na parte os olhos, a paleta de sombras com seis cores ganhou meu coração (a minha favorita da MAC está nela, a Satin Taupe!)…

paleta-de-sombras-cinderella-mac

…um glitter branco, e dois pigmentos lindos..

glitter-e-pigmentos-cinderella-mac

… e a coleção ainda possui dois Eye Gloss, um produto estranho que tem acabamento melequento de gloss para os olhos, que apesar da ideia ser meio nojenta, eu amei o brilho, e dois fluidlines e uma máscara.

studio-eye-gloss-e-fluidline-cinderella-mac

A linha ainda conta com dois tipos de pós – o Beauty Powder e o Iridescent Powder, que me lembrou bastante o Orgasm da Nars, uma cor bem linda, meio pessêgo com brilhos dourados.

powder-cinderella-mac

Finalmente, a coleção possui 2 pinceis, mas que não possuem nenhuma inscrição da Cinderella neles! Ainda não há informações se a coleção irá para o Brasil, nem quando. Eu garanti a paleta de sombras, que fiquei apaixonada! Agora a próxima coleção que espero ansiosa é a da Julia Petit, daqui 2 semanas!!



Dica de Restaurante em NYC: Catch

From NYC

O Catch é um restaurante contemporâneo, com cardápio de sushi e frutos do mar com uma pegada oriental nos temperos, assinado pelo Chef Hung Huynh, vencedor da terceira temporada do programa Top Chef. Ele foi fundado em 2012 e fica em um edifício histórico no centro do Meatpacking District, um bairro pequeno de Manhattan que já foi uma região de matadouros (dai o nome!) e hoje hospeda botiques de luxo e muitos restaurantes e bares balados.

catch

Alem dos dois andares para jantar, o Ctach possui mais um andar no rooftop. Estava louca para conhecer, mas como fui no inverno estava fechado. Todo mundo diz que é legal ir jantar lá e depois subir para tomar alguns drinks no rooftop!

catch-rooftop

As bebidas do Catch são bastante conhecidas por serem diferentes e elaboradas. Quando fomos, pedimos um drink cada um no começo, e depois o Dan pediu mais um (que não lembramos o nome, sorry!)– nas fotos abaixo.

catch-drinks

A apresentação dos pratos é linda. Pedimos de entrada um carpaccio de barriga de salmão e uma batata frita com parmesão ralado, que tinha um sabor trufado que estava dos deuses! Não consegui decifrar se tinha azeite na batata ou se ela foi frita com azeite de trufas. Ela era crocante e sequinha, uma delícia. O Dan ainda pediu um roll de atum spicy que ele adorou – nem experimentei porque não gosto de coisas apimentadas.

catch-entradas

De prato principal, fui seca no Spaghetti com cogumelos e acertei em cheio. Bem diferente, com tomates, ervilha torta e um molho leve, o prato estava demais! O Dan pediu o Asian Chicken Paillard, bifes finos de frango e legumes com molho de amendoim.

catch-pratos

A gente queria muito uma sobremesa, mas como fomos no domingo na hora do almoço (brunch), eles não serviam sobremesa. Fiquei puta! Onde já se viu não servir nada de sobremesa? Muitos restaurantes reduzem o cardápio no domingo, mas nunca vi não servir sobremesa. Estava louca para experimentar a pizza de smores. Mas, fica pra próxima!

Não deixe de fazer reserva, já que geralmente ele é bem concorrido, principalmente em dias mais quentes. Aproveite para confirmar quais os dias o rooftop estará aberto. A reserva pode ser feita pelo telefone (212.392.5978) ou pelo OpenTable.

Endereço: 21 Ninth Avenue.

Como chegar: De metro pelas linhas L (estação 8th Ave), A, C ou E (estação 14th Street). De ônibus, pelo M11, M12, M14A e M14D.



Resenha de Produtos da Billion Dollar Brows: Universal Eyebrow Pencil e Brow Gel

Maquiagem

Hoje é dia de resenhar meus produtos queridinhos para sobrancelhas dos últimos tempos. Ambosa são da marca Billion Dollar Brows, o lápis universal de sobrancelhas e o Brow Gel. Billion Dollar Brows (tradução do nome: Sobrancelha de um milhão de dolares) é a única marca no mercado que só vende produtos específicos para sobrancelhas. Ou seja, eles são especialistas no assunto. O legal da marca é que, além de vender os produtos individuais, eles vendem alguns kits completos para a sobrancelha – cada um para um objetivo.

bdb-produtos

O “3 Steps to a Beautiful Brows” tem o lapis universal para preencher, o gel para deixar no lugar e o Boost para fortalecer e crescer os pelos da sobrancelha. O “Best Sellers Kit” possui o lápis universal para preencher, o pincel para esfumar, o lápis iluminador em duas cores e o gel para deixar a sobrancelha no lugar. Ele é muito completo, super bom. O preço é ótimo – se você comprasse só o lápis universal e o Gel, já gastaria os 34 dolares que o kit custa!

Vamos falar agora dos dois produtos que eu testei, e amei? O lápis universal para sobrancelhas, é, como o nome mesmo já diz, universal, e pode ser usado por todos os tons de pele e de pelos. Eu testei em mim e na minha prima (que é mais branquinha e com pelos mais claros) e deu super certo nas duas. A formula dele é diferente de todos os que eu já testei, tem um pouco de cera na composição (sem ser pegajosa e melequenta!), que faz com que ele tenha uma melhor fixação. Por ser retrátil, também é mais prático – você não precisa carregar apontador e ele está sempre com a ponta boa!

bdb-detalhes

O Brow Gel é ainda mais incrível. Eu usei muito rímel transparente para deixar as sobrancelhas no lugar – e isso funciona bem. Também usei o gel de sobrancelha da Quem disse, Berenice? que é ótimo. Mas, nunca testei algo igual ao Brow Gel da BDB. Ele ajeita os pelinhos no lugar, e eles ficam assim o dia todo (dia todo mesmo!). Na hora que você passa, fica meio molhadinho, mas isso logo some e deixa com aspecto super natural, sem ficar duro e nem deixar aquelas casquinhas brancas. A embalagem é igual a de um rímel, e a escovinha também; e apesar dele é um pouco mais caro que um rímel transparente, vale o investimento.

bdb-sobrancelhas

Os produtos são vendidos apenas no site da marca (que não entrega no Brasil, infelizmente!), e em alguns salões nos Estados Unidos e no Reino Unido.

 

 



Como Andar de Metro em Nova York?

From NYC

O post de hoje tem o intuito de ajudar todo mundo a andar de metro em Nova York. O metro da cidade chega em praticamente todos os pontos da cidade, e até em outros Boroughs. Para começar, vamos entender como funciona NY: são 5 Boroughs, tipo “distritos”. É difícil explicar porque não existe este conceito no Brasil, mas no mapa fica mais fácil de entender.

5 boroughs map

A primeira coisa que você vai precisar é de um MetroCard, o cartão para passar no metro e nos ônibus da cidade (atenção, nem todos os ônibus aceitam este cartão, apenas os que começam com M – que são os locais –  e custam U$2,50). Na chegada da estação você vai encontrar estas maquininhas que fazem na hora seu MetroCard – eu explico abaixo (clicando na foto, ela aumenta!).

como-fazer-metrocard

Existem algumas opções de MetroCard. Dependendo da quantidade de dias que você vai ficar por aqui, o ideal é comprar “Tempo” ao invés de “Valor”. Quando você clica em Add Time, você escolhe se quer carregar uma semana (U$30) ou um mês (U$112). Se você quiser usar duas semanas, terá que carregar uma vez para uma semana, e, quando acabar, carregar mais uma semana – não dá para carregar duas de uma vez. Lembrando que cada viagem é U$2,50 e te dá direito a uma troca para ônibus em um período de tempo (acho que duas horas). Como turista passeia muito de um lado para o outro, imagino que comprar “Tempo” seja a melhor opção.

 

Com o Metrocard nas mãos, é hora de ver para que lado ir. A maioria das linhas cruzam manhattan de Norte a Sul, cada uma em uma altura da ilha (em diferentes avenidas). As linhas N,R e Q fazem uma curva e mudam para a direção Leste/Oeste. Além desta linha, a L e a 7 cortam a ilha no sentido Leste/Oeste. As linhas B,D,F e M fazem um U, saindo do Brooklyn e acabando no Queens, passando por Manhattan.

metros-ny-linhas

Geralmente, quando a linha é Norte/Sul, os sentidos são: Uptown ou Downtown. A maioria delas acaba em outro Borough, então fica, por exemplo: Uptown & Queens (linhas 1, 2, 3, F, M, N, R e Q) ou Uptown & The Bronx (4, 5, 6, B e D). Isso quer dizer que, do ponto em que você está, você quer subir para um ponto mais alto da ilha, ou ir para outro Borough (Queens ou The Bronx). Descendo, a mentalidade é a mesma: Downtown & Brooklyn (2, 3, 4, 5, A, C, N, R, Q)

Exemplo: você está na 23rd Street, e quer ir para a 49th Street, você pega a linha N ou R, sentido Uptown & Queens (você está subindo, da 23 para 49). Se quiser ir pro Queens, o pensamento é o mesmo. Para voltar para a 23rd Street, é só pegar as mesmas linhas, sentido Downtown & Brooklyn.

exemplo

As linhas L e 7 possuem sentidos diferentes. Como elas cruzam de leste a oeste, a L por exemplo tem sentido 8th Av (que é onde ela acaba na ilha) e Brooklyn. A 7 tem sentido 42nd St-Times Square e Queens.

Ah, e entre a Times Square (lado West, altura da 8th Av) e a Grand Central (Lado East, altura da Madison Avenue), facilitando quem precisa ir de Leste a Oeste.

O metro de NY tem algumas pegadinhas. Uma delas é que, apesar de estarem na mesma plataforma, as linhas não vão para o mesmo lugar. Por exemplo: as linhas A, C e E andam juntas até certo ponto, mas a E não chega ao Brooklyn, enquanto a A e C chegam, cada uma em um ponto do Borough.

fim-da-linha

Das linhas que “andam juntas”, sempre tem local e expressa – enquanto a local pára em todas as estações, a expressa pára em apenas as pre-determinadas. Fiquem atentos, porque se vocês forem descer em uma que a expressa pára, vale a pena pegar ela porque é mais rápido.

local-express

Na rua, antes de entrar na estação, repare se embaixo dos números/letras coloridos da linha, está escrito o sentido (Uptown ou Downtown). Se tiver escrito, significa que aquela entrada só dá acesso a plataforma daquele sentido, não tem como mudar de sentido por dentro. Se errou, tem que sair, subir pra rua, e entrar novamente na entrada certa – e seu Metrocard não vai passar de novo se você comprou Tempo, porque ele sabe que você usou faz pouco tempo o cartão, e vai aparecer a mensagem “Just Used” no leitor. Se isso acontecer, vá até o guichê com um atendente e explique a situação, assim ele deixa você entrar pela saída de emergência.

sentido-metro

Aqui existem várias “Sés” – aquelas grandes estações onde diversas linhas se encontram, o que facilita bastante o trajeto. Temos a Union Square (4, 5, 6, N, R, Q, L), Times Square (1, 2, 3, 7, A, C, E, N, R, Q, S), Grand Central (4, 5, 6, 7, S).

 

Ufa! O post ficou grande, mas é porque todas estas dicas vão ajudar bastante. Outra dica é baixar dois aplicativos, que te ajudam na viagem: o Citymapper, que é tipo um google maps, mas com várias opções de rotas – inclusive ele te dá opções a pé, todas as rotas possíveis de transporte público (inclusive de ônibus), e de taxi. Todos com estimativa de tempo de chegada e o taxi com estimativa de valor. A dica é sempre salvar a rota que você escolher, assim consegue vê-la mesmo quando sem sinal (no metro, e/ou para quem só vai ter internet no wi-fi). Única coisa chata é que ele só salva uma rota de cada vez.

citymapper

O segundo é o Subway Map de Nova York. Ele não é interativo, é só um mapa mesmo do metro, mas ajuda quando você estiver sem sinal, para dar uma direção.



Pandora e Disney Spring Collection 2015

Cotidiano

A Pandora não pára de surpreender: a marca acabou de lançar uma nova coleção da Disney, agora com as princesas e mais alguns personagens, além dos ratinhos mais famosos do mundo. Eu já mostrei a primeira coleção da Disney para Pandora de Outubro do ano passado. E agora mostro para vocês a Spring Collection – coleção de primavera – que chega às lojas em Março.

Mickey e Minnie ganharam mais diversos charms, danglles, clips, spaces, e até anéis.

pandora-disney-spring-mickey-minie

Os muranos da coleção foram baseados nas cores principais de cada uma das personagens. De todas as princesas, Cinderella foi a que ganhou mais modelos.

pandora-disney-spring-cinderella

São 7, enquanto as outras princesas (Branca de Neve, Bella e Ariel) possuem 4 modelos cada.

pandora-disney-spring-princess

Como Frozen é a febre atual, a história ganhou 9 modelos lindos!

pandora-disney-spring-frozen-2

Tinkerbell ganhou dois modelos, enquanto o ursinho Pooh e o Eeyore, da Turma do Pooh, ganharam um charm cada – os mais fofos!!!

pandora-disney-spring-tinkerbell-pooh

Eu achei os vestidos das princesas meio bregas e sem graça, mas tem MUITO charm que eu compraria, como vocês podem ver nos coraçõeszinhos do lado de diversos modelos. Mas os que eu quero com certeza são: o coração Let it Go, e um dos dois da Turma do Pooh (dúvida cruel!).

E vocês, quais gostaram mais?



Batom Kate Moss Lasting Finish na cor 30 da Rimmel London

Maquiagem

A colaboração da Kate com a Rimmel London é antiga. Começou em 2001, e em 2011 a marca em parceria com a modelo criou e lançou a sua própria gama de batons! Desde então, a cada troca de coleção da marca, as cores da coleção da Kate se renova! A coleção de batons criada pela Kate Moss em parceria com a Rimmel London conta com cores intensas que duram até 8h, e tem em sua fórmula diamantes negros que refletem a luz.

Kate_Lasting_Finish_Lipstick

A linha é composta por dois tipos de embalagens e acabamentos: a preta, que possui acabamento cremoso, e a vermelha que possui acabamento matte.  Ambas são de plástico resistente, bem leve, e possuem uma coroa na parte de cima da tampa (logo da Rimmel), e o autógrafo da Kate na tampa.

embalagens-kate-moss-rimmel-london

Eu escolhi a cor 30, uma cor que eu não consegui explicar direito – ela parece uma mistura de roxo com cereja, muito linda! Fotografei em algumas luzes diferentes, para vocês verem como a cor se comporta. O cheirinho dele é uma delícia, meio frutado mas não forte.

lasting-finish-30

Ele é cremoso na medida certa, porque ao mesmo tempo em que desliza nos lábios com facilidade, é bem pigmentado, além de hidratar e ficar com um acabamento lindo. A durabilidade é ótima, apesar de não chegar a 8 horas – sem comer ele dura umas 5 horas! – e ele transfere um pouco.

No Brasil nenhuma loja vende a marca, mas o Feel Unique tem e entrega no Brasil. Nos Estados Unidos você encontra nas farmácias americanas, e o preço é super camarada – de 4 a 6 dólares!



Dica de Restaurante em NYC: Shake Shack

From NYC

A lanchonete ou hamburgeria mais famosa de NY é o Shake Shack, assunto do nosso post de hoje.  A principal loja fica localizada no Madison Square Park, onde tudo começou! O Shake Shack começou com a proposta de um carrinho de rua, inicialmente apenas para o verão de 2001. Nos dois anos que se seguiram, os verões contaram com o carrinho de rua, que foi ficando cada vez mais conhecido. Em 2004, a barraquinha foi substituída por um quiosque permanente, que funcionou até 13 de Outubro de 2014. Este endereço está fechado até o meio de 2015 para reforma – vai ganhar mais espaço e se adequar as necessidades dos clientes. Abaixo, fotos do espaço até seu fechamento temporário para repaginação. E essas luzinhas fofas?

shake-skack-madison-square-park

Pra mim, este é o melhor de todos os endereços do Shake Shake. Costuma ter mais fila que os outros, mas o clima do lugar, comendo ao ar livre na companhia de passarinhos e esquilos, deixou a refeição mais nova iorquina ainda, aos pés do legendário Flatiron Building. Apesar de ser uma rede fast-food, todos os sanduíches são feitos na hora, e leva em uma média de 7 minutos. Depois que você paga, recebe um pager que vai tocar quando seu pedido ficar pronto.

Todos os hambúrgueres são feitos com carne Angus, o queijo americano é preparado especialmente para a rede, as hortaliças são frescas, e o pão é de batata, mais macio que o normal (mas eles não oferecem opção sem gluten!).

É vegetariano ou não come carne por algum motivo? Sem problemas, o Shake Shack tem uma opção vegetariana pra você – o Shroom Burger($6,99), onde a carne é substituída por um um bolinho de cogumelos recheado com bastante queijo, e salada (vem muita, tirei metade pra comer) no pão deles. Foi a minha escolha, junto com a batata da rede, que é mega famosa – ela é ondulada e está disponível nas opções Fries ($2,99) e Cheese Fries ($3,95), servida com queijo derretido em cima. Apesar do queijo ser gostoso, as batatas que ficam cobertas com o queijo ficam murchas, então pedi sem o queijo.

shake-skack-shroom-burger2

Meu irmão e minha mãe pediram um Hamburger duplo ($6,49) com cebola, picles, tomate e alface, e as famosas batatas!

shake-shack-hamburger

Eles ainda tem uma cerveja especial feita pela própria casa, e algumas lojas, como a do Madison Square Park tem itens feitos específicos para cachorros, como inclui biscoitos com manteiga de amendoim e creme de baunilha. Muito amor não?

shake-shack-dogs

Mesmo depois de comer sanduiche e batatas, você não pode ir embora sem provar as sobremesas.  Sorvetes são outra especialidade da casa, e o Shark Attack ($6,50) é, com certeza, um destaque.

shake-shack-sharck-attach

Você encontra 14 Shake Shacks em NY, em Miami na Lincoln Road e um em Coral Gables, além de mais dois na Florida, dois em Connecticut,um em Las Vegas, quatro em Washigton, entre outros tantos pelos Estados Unidos.

Como eu não como carne, posso dizer que as batatas são realmente de outro mundo, assim como a sobremesa. O sanduiche de cogumelos é bom, mas nada demais. Mas, marido, mãe, irmão e outros conhecidos que comem carne dizem que realmente é MUUUITO BOM! Os preços também são ótimos – dá para fazer uma refeição típica de NY, sem gastar muito!

Endereço: no Madison Square Park, proximo à Madison Ave. e East 23rd St.

Como Chegar: De metro pelas linhas N e R (estação 23rd St), e pela linha 6 (estação 23rd St).E de ônibus pelas linhas M1, M2, M3, M5 e M23.



Pure Hollywood Liquid Lipstick da Anastasia Beverly Hills

Maquiagem

No começo do ano a Anastasia Beverly Hills, marca americana famosíssima por seus produtos para sobrancelhas, lançou seu mais novo produto, o liquid lipstick – uma linha com 20 tons de batons líquidos e acabamento mate. É o produto da vez, né? Muitas marcas lançando.

liquid-lipstick-anastasia

A linha conta com tons desde os nudes e rosas claros, até o roxo bem escuro, passando por magenta, vermelho, corais e suas nuances. A embalagem é igual de gloss – tubo transparente e aplicador tradicional. Diferente de gloss, o acabamento é mega matte.

Eu escolhi a cor Pure Hollywood, um nude amarronzado que amei nas fotos que eu eu vi, mas não sei o que achei dele em mim…

anastasia-pure-hollywood

Primeiro pela cor, que ficou muito igual a cor da minha pele (talvez eu devesse ter escolhido a cor Lovely, um nude mais rosado). Segundo, porque como meus lábios são rachadinhos, então ficou super marcado. São poucos os produtos de longa duração que não fazem este efeito rachado nos meus lábios, por isso amo o Outlast All Day Lip Color da Covergirl.

Se você não tem lábios rachadinhos, aposte porque a pigmentação é incrível e a duração também – em mim durou umas 4 horas. Não vende no Brasil, mas o site da Anastasia Beverly Hills entrega aí! Sai 20 dólares cada um.



Lugar para conhecer em NYC: High Line

From NYC

O High Line é um parque linear suspenso que foi criado em uma linha de trem antiga e abandonada! O que antigamente era uma linha de trem abandonada, inutilizada e transformado em um parque com jardins, bancos e espreguiçadeiras, deixando o lugar super agradável para um passeio, principalmente no verão!

high-line-2

O parque tem alguns mirantes, é bem bonito e gostoso de ficar um pouco e relaxar.Dizem que o por do sol lá é incrível – ainda não fui e pretendo, assim que o clima melhorar um pouco! Eles tem essas espreguiçadeiras de madeira, para você deitar e ver a vista e o pôr do sol.

high-line-mirante-por-do-sol

A vista é para o rio Hudson de um lado, e a agitada cidade do outro. O High Line tem várias entradas ao longo da costa oeste da ilha (9th, 10 e 11th Ave – depende da altura em que você está) e você vai andando e passando embaixo de prédios, hotéis e etc – bem diferente! Tem uns exibidos que adoram se trocar nas janelas – eu já vi, juro!

high-line-1

Desde que abriu, em 2009, vem aumentando sua extensão – hoje ele começa na Gansenvoort Street e vai até a 34th St (que tem um acesso na altura da rua, e sobe em rampa). Importante, nem todas as entradas tem elevador.

entrada-high-line

Eu fui no verão (tipo 35°C) e no inverno (-1°C), e como vocês podem ver nas fotos abaixo, muda muito. A vegetação, por exemplo, está verdinha no verão, enquanto no inverno as arvores estão peladas e secas.

high-line-verao-inverno

Para vocês terem uma ideia, ele foi a atração turística mais visitada de Nova York em 2012 (mais de 4,4 milhões de pessoas passaram por lá!).

É legal você usar o High Line para ir de um ponto da cidade para outro, já fazendo um passeio, é muito gostoso! Se você está próximo à 34th St, e quer ir pro bairro de Chelsea, pode ir andando com a vista do Hudson River! É legal começar ou acabar o passeio na saída da 14th St, que tem o Chelsea Market pertinho – outro ponto turístico muito legal que falarei em breve!

Endereço e como chegar:

tabela-entrada-high-line

O parque abre diariamente às 7hrs, mas muda o horário de fechamento de acordo com as estações do ano (de Dezembro a Março até as 19h, Abril e Maio até as 22h, de Junho a Setembro até as 23h, e Outubro e Novembro até as 22h). A entrada é gratuita, não pode ir com cachorro (achei idiota isso!), nem andar de skate ou patins!



Amazonian Clay Double Detox Exfoliating Facial Mask da Tarte

Pele

Hoje vou contar o que achei da Amazonian Clay Double Detox™ Exfoliating Facial Mask da Tarte. A Tarte foi criada em 1999, e desde então vem ganhando espaço no mercado. Eu já mostrei para vocês dois blushes da marca, o Cheek Stain na cor Flush e o Cheek Stain na cor Fearless. Esta mascara é esfoliante e detox, e é composta por argila da Amazônia.

mascara-tarte

A mascara promete um tratamento revolucionário em casa, usando o poder restaurador da argila Amazonica para deixar a pele saudável, balanceada e mais clara (com o uso continuo por 5 semanas). O modo de uso é simples: ele deve ser aplicado na pele limpa e umedecida…

mascara-tarte-seca-umidificando

…depois de aplicada, é só esperar 5 minutos ela secar bem – fica daquele jeito que craquela conforme você sorri ou mexe os músculos da face.

mascara-tarte-aplicando

Para remover, é só limpar primeiro com agua morna e em seguida com agua fresca. Demora um pouquinho para sair, mas nada absurdo. Na hora que você remove, já sente sua pele mais hidratada e revigorada.

mascara-tarte-antes-e-depois

O legal desta máscara é que, apesar de esfoliante, ela não é agressiva e você nem precisa necessariamente hidratar depois – a pele já até fica mais hidratada só com a máscara. Ela rende bastante, então o tubo de 70ml não é tão caro – custa U$38 e pode ser encontrado nas Sephoras Americanas e no site da Tarte (que ainda não entrega no Brasil).

A marca tem toda uma linha de produtos com argila amazônica, com base, blush, delineador, pó, corretivo, lápis, máscara de cílios…

tarte-amazonian-clay

Já fiquei com vontade de testar tudo! E vocês?



Página 28 de 16210202627282930405060